Subscribe:

Parceiros

.


domingo, 25 de fevereiro de 2018

Pedal Ciclo Mania: Bodis do Cezar

Depois de tanto tempo, voltamos com muita alegria aos pedais de domingo junto da galera do Ciclo Mania, e não poderia ter sido melhor.

Agradecemos a Cezar e família pela calorosa (Saborosa) recepção.
Hoje foi um dia mais que especial para todos nós que a meses estávamos esperando este momento de nos fazer presentes na fazenda do nosso amigo Cezar do Sax, onde fomos recepcionados em grande estilo, com a alegria de sua família que nos proporcionou um banquete onde ficamos honrados com tanta atenção dispensada a todos nós.

Mas isso vocês verão a seguir. Vamos começar do começo.

Foi um pedal diferenciado onde todos deram nota 10. Também não poderia ser diferente, pois a galera é de primeira qualidade e de um humor incomparável. Isso sem contar com o clima que ajudou bastante os menos preparados.

Acompanhe conosco através das imagens que fizemos durante o percurso e sinta um pouco de inveja por não ter ido.

Logo cedo aquela animação da turma com boas conversas na espera de muitos momentos de alegria que estavam por vir.

 

 

 

 

Ponto de partida
Todos já chegaram, aliás, falta Suel que atrasou, mas ele é bom de perna e nos acompanha ligerim.

Vamu simbora que já é mei dia!

 

 

 

 

 

 

 

Estradão do Pará até entrada de São paulo de Cinézio
Segue em frente com destino ao Minguaiú retornando ao estradão da Barra na conhecida Porteira Queimada
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imprevistos acontecem, mas aqui todos se unem para resolver
De volta ao estradão um pequeno imprevisto... Pneu furou. mas um pedal sem queda ou pneu furado não tem graça. 

Enquanto uns ajudam com o pneu, outros fazem poses pra não perder nenhum detalhe do pedal.

 

 

Tudo pronto? Vamos em frente que atrás vem gente.. (Pipo), ou seria na frente?

 

 

 

E o clima que estava tão nosso amigo, resolveu nos testar um pouco...
Estamos no Pindurão dos Ramos onde pegaremos uma trilha até o destino

 

 

 

 

Durante o percurso, vamos notando a diferença em nossa vegetação tão sofrida que hoje está ficando verde e ressurjindo após as tão esperadas chuvas que caíram em toda região.

Não é a quantidade que precisamos, mas o suficiente para deixar os moradores animados e com muita esperança de que este ano será menos sofrido.

Já vemos os animais mais robustos tendo o que comer e água para alguns meses.

 

 

Essa imagem abaixo mostra que Deus não nos abandona e que tudo é ao seu tempo.

Quanto tempo faz que não tínhamos esta imagem em nossa região?
Vamos em frente que é logo ali. e tá muito fácil de chegar.

 

  

Pra nossa surpresa, encontramos no percurso, marcações nos orientando, numa demonstração de que Cezar se dedicou mesmo para nos receber e não queria que ninguém ficasse de fora.

Primeira marcação que se seguiu até o a Fazenda de Cézar

 

 

 

 

 

  

Ciclo Mania marcando presença
Chegamos! Agora é só alegria e boas conversas.. sem mentiras seu Rony!


Agora é só curtir o momento e ser feliz, sem pressa pra voltar, sem estresse e sem preocupações. 

Momentos que fazem toda diferença. entre amigos e pessoas do bem que faz ver que o MTB ou o ciclismo de um modo geral é uma terapia que nos aproximam das pessoas num mundo onde o virtual que engolir a vida.

Esta foi a maneira que fomos recebidos. Sem falar no carinho e consideração dispensada 
Quem não pôde vir perdeu. mas não fiquem tristes não, pois nossa alegria superou a tudo e o que importa é que mesmo sem muitos dos nossos amigos não puderem ter vindo, fizemos a festa por vocês também.

Cezar com seu bom humor e sua risada inconfundível.
Também... uma buchadinha dessa...

 

Agradecimentos especiais a Mércia sempre prestativa e alegre.
A turma não perde tempo, vai logo ao que interessa.. com tanta fartura assim, perderam a noção.
Agradecemos imensamente pelo banquete servido e por tudo que fizeram por nós.

 

 

 

 

Isso é uns maguin comedor.. come igual ao que corre, pra vocês terem uma ideia

 

 

Iiiii.. parece que teve gente que exagerou na comida...
 

Vamos improvisar.. o importante é estar bem.
Depois de encher o bucho, pausa para ouvir estórias, esperar o comer escentar e a coragem chegar para que a gente possa voltar.

No alpende da fazenda, muitas estórias são contadas...


 

 

 

Enquanto isso os retardatários ainda estão chegando. Pipo que sempre gosta de "cortar camim" durante os pedais e levar outros a fazer isso, desta vez teve o troco, pois ficou sozinho no caminho traçado anteriormente enquanto todos os outro cortaram caminho desta vez.

Pra descontar as cortadas de camin, hoje Pipo foi a vítima
 

E pra não perder o costume, Padim errou o camim...
Mesmo chegando atrasado, não faltou atenção e a festa foi igual pra todos.

Tá bom de sal? Padin O camim do fogão ele acertou. rápido


 

 

 

 

 

E o sono chegou...

 

Hora de acordar e se despedir da desta família tão especial e abençoada que fez com que o nosso domingo fosse diferenciado e ficasse marcado.

Foto oficial do pedal
 

 

Valeu Grande Cezar. Muito obrigado por tudo!
Desatrepar a magrela e seguir viagem.
 

 

 

O Ciclo Mania agradece por tudo que foi feito.
 

Próxima parada será na Fazendo Vigário onde iremos desfrutar de um banho de barragem. Faz tempo que não se faz isso em nossa região. 

 

 

 

 

 

 

Refrescar um pouco o calor que tá de mais. Nada melhor que um banho de açude em pleno agreste tão sofrido pela seca.

E viva a Gia!
A uma semana atrás isso não seria possível, pois estava tudo seco, hoje somos agraciados com esta bênção.

 

 

 

 

 

 

Pra quem não comeu nada até agora...
 

Tá muito ruim mesmo
 

 

 



Todos frescos, vamos pegar a estrada de volta pra casa.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Se cansou? Bigu é necessário
 

Fim da linha. A rota está alagada e o riacho não permite nossa ida. Temos de mudar o curso e procurar outro caminho.. Graças a Deus!

Ha mais de seis anos que não víamos esta passagem obstruída pela água
 

 

  

 

 

Agora sim, vamos em frente porque o pedal tá acabando.. rumo ao tiro final.

 

 

 

E esta foi a última vez que vi os homens... Deram uma arrancada logo na subida sem avisar, aí é cruel..

 

Ufa.. Chegamos.. tava até bom, mas no final a galera inventou de medir forças, só deu pra eu e Suel que pinou.

 

 

 

 

 

Tudo tranquilo, apesar do cansaço. Não temos palavras para agradecer, então, só nos restam deixar através da imagem a baixo que mostra o quanto Cezar foi legal conosco. 

Deixemos que a imagem fale por nós!

0 comentários:

Postar um comentário