Subscribe:

Parceiros

.


segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Pedalada na rodovia Anchieta reúne 40 mil ciclistas

Pedal Anchieta reuniu cerca de 40 mil pessoas e ocasionou a interdição parcial da Via Anchieta até chegada a Santos. Polícia registrou 19 acidentes, sendo dois graves.



A via Anchieta recebeu no domingo (2) o maior passeio de bikes de sua história, com esquema especial para que cerca de 40 mil ciclistas pudessem sair da capital, vencer a Serra do Mar e finalmente chegar a Santos.

O percurso de 55 quilômetros do Pedal Anchieta recebeu apoio da Ecovias, administradora da rodovia, e Polícia Rodoviária, depois de conflitos que se estendiam desde 2008. No ano passado, os policiais receberam os participantes com bombas de gás após decisão judicial que impedia a descida das bicicletas.
“O evento nasceu há 10 anos como um protesto em defesa do ciclista e da segurança nas vias. Nosso entendimento era de que, se o Código Brasileiro de Trânsito prevê as bikes, por que não poderíamos usar a rodovia? Agora estamos lutando para consolidar a rota para o litoral, que é o sonho de muitos ciclistas, e manter o passeio todo primeiro domingo de dezembro”, explica o consultor e um dos organizadores do evento, André Pasqualini, 44 anos.


O passeio de ontem saiu do km 12,6, no Sacomã, na capital, com largadas entre 6h e 8h30. Foram registradas filas de cerca de 20 quilômetros de ciclistas nos trechos iniciais, dizem os organizadores.

Duas pessoas tiveram ferimentos graves durante a pedalada, uma delas com fratura e a outra com batida na cabeça. Esta última seguia na UTI em hospital de Cubatão, de acordo com a polícia. “Tivemos outros acidentes sem gravidade. A operação de resgate funcionou bem. No próximo ano, vamos trabalhar mais a conscientização para que os ciclistas não abusem. Mas, pelo grande número de pessoas, tudo acabou bem”, disse o organizador.

Os participantes começaram a chegar a Santos por volta das 11h, onde foram recebidos no centro histórico. A grande quantidade de ciclistas congestionou a rodoviária da cidade, que registrou atrasos nas viagens. De acordo com Pasqualini, 12 mil participantes informaram na inscrição que voltariam de ônibus e as empresas que realizam o transporte se disponibilizaram a aumentar a frota.



O metrô de São Paulo também foi utilizado pelos ciclistas, principalmente na chegada ao passeio. Neste caso, não foram registrados problemas.

Metro ABC
Por Vanessa Selicani 

0 comentários:

Postar um comentário