Subscribe:

Parceiros

.


segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Saiba como controlar o colesterol de maneira eficiente

Cerca de 40% dos brasileiros sofre com o colesterol alto, de acordo com dados do Ministério da Saúde. Confira como controlar o colesterol de maneira simples e eficiente.


Cerca de 40% dos brasileiros sofre com o colesterol alto, de acordo com dados do Ministério da Saúde. Além disso, as doenças decorrentes desse problema são a principal causa de mortes no mundo. Quando o colesterol está descontrolado, se deposita nas artérias, formando placas de gordura nessas estruturas e endurecendo os vasos em um processo chamado aterosclerose.

O acúmulo de gordura também obstrui as artérias e vasos, levando ao aumento da pressão arterial, o que pode levar a derrames e afetar o funcionamento do coração. Como podemos ver, as consequências do colesterol alto são sérias, mas é preciso entender melhor o problema. Primeiramente, deve-se saber a alimentação tem influência na produção desta substância, mas 70% a 80% do colesterol é produzido naturalmente pelo nosso corpo.

Existem dois tipos de colesterol, o HDL (de alta densidade) e o LDL (de baixa densidade). O colesterol HDL é bom e provém de gorduras boas (como azeite de oliva, abacate e sementes oleaginosas) e sua função é retirar o excesso de LDL dos tecidos e levá-los ao fígado, evitando que ele se acumule nas paredes das artérias. Já a função do LDL é levar a gordura do fígado para os tecidos.

Cuidado com a alimentação

Apesar da produção natural, é necessário evitar o consumo de alimentos com grandes doses de colesterol. Os alimentos com gorduras saturadas (carnes, ovos, leite e derivados) devem ser consumidos com moderação e com respeito às quantidades adequadas.

Embutidos como salame, mortadela e presunto também são ricos em colesterol. Os peixes e cortes magros de frango, sem pele, são bons substitutos, já que não tem tanta gordura. Uma boa dica é substituir as versões mais gordurosas dos alimentos por suas versões mais saudáveis, como por exemplo, trocar os queijos amarelos por queijo branco.

Consuma mais ômega 3

O ômega 3 é um ácido graxo que possui propriedades anti-inflamatórias, antitrombóticas e antirreumáticas, que atuam reduzindo a concentração dos lipídeos do sangue, favorecendo a vasodilatação. Além disso, é capaz de evitar a formação das placas de gordura na parede das artérias e garantir a flexibilidade dos vasos sanguíneos, afastando o risco de doenças como infarto, hipertensão, aterosclerose e derrames. O ômega 3 modificam a composição química do sangue, provocando o aumento dos níveis do HDL (colesterol bom) e a diminuição dos níveis de LDL (colesterol ruim).

Pratique exercícios

As atividades físicas aumentam a queima de gordura corporal, reduzem o colesterol ruim (LDL) e aumentam o colesterol bom (HDL), principalmente se forem aeróbicas, como: pedalar, caminhada e corrida. Os exercícios têm potencial anti-inflamatório e impedem que as moléculas do colesterol bom sofram oxidação.

Fonte: Dino

0 comentários:

Postar um comentário