Subscribe:

Parceiros

.


sexta-feira, 13 de março de 2015

Tirreno-Adriático: Queda da corrente de Cavendish provocou tombo

Queda na chegada da 2ª etapa da Tirreno-Adriático
Cavendish na chegada
A queda na chegada da 2ª etapa da Tirreno-Adriático, na Itália, nesta quinta-feira (12 de março), já está no centro das discussões entre os aficionados. Mark Cavendish (Etixx-QuickStep) teria provocado a queda de Elia Viviani (Sky)?

A própria equipe Etixx-QuickStep se apressou em admitir que vai apurar as causas da queda da corrente da bike de Cavendish, que acabou provocando o tombo no pelotão. Tom Boonen teve um problema semelhante em um sprint no Tour do Catar.

Vale lembrar que, recentemente, a equipe belga mudou seus fornecedores de componentes. Em 2015 o grupo completo SRAM deu lugar a um mix com pedivela FSA com medidor de potência SRM integrado.

Na etapa, Cavendish estava bem posicionado, prestes a sprintar quando a corrente da bike caiu. Ele conseguiu se manter na bike, mas mudou o ritmo imediatamente e Elia Viviani (Team Sky), na sua roda, não conseguiu escapar do toque. Sacha Modo
lo (Lampre-Merida) e outros atletas também caíram.

Cavendish, a princípio, se recusou a falar sobre o ocorrido. Mas, depois, admitiu a queda da corrente. “Não há nada que eu poderia ter feito. Eu assisti ao sprint no ônibus da equipe e o que tenho a dizer é que sinto muito por Elia Viviani e os outros envolvidos”.

Viviani caiu, mas voltou à bike e terminou a etapa

 Vejam o Vídeo:
 

Fonte: BikeMagazine

0 comentários:

Postar um comentário