Subscribe:

Parceiros

.


domingo, 26 de janeiro de 2014

Dispositivo para capacetes ajuda a resgatar ciclistas acidentados

Criado na Inglaterra, sensor ICEdot envia notificações de acidentes
 para contatos do celular.
Os ciclistas do mundo inteiro podem contar com mais um item para aumentar a segurança durante as pedaladas. Criado para ser instalado em qualquer tipo de capacete, o sensor de obstáculos ICEdot Crash Sensor alerta os usuários das bicicletas sobre os impactos da aproximação de pedestres e veículos. Em caso de acidentes, o dispositivo também envia as informações necessárias para agilizar o atendimento e salvar a vida do ciclista envolvido.

O novo equipamento de segurança é um incentivo a mais para as pessoas não se esquecerem do capacete na hora de curtir as pedaladas. Sem pesar na cabeça dos ciclistas, o ICEdot tem design simples e foi criado em Londres, como estratégia para reduzir o número de acidentes e mortes de ciclistas provocadas no trânsito na metrópole.

O grande diferencial do ICEdot é que o dispositivo vai além do sensor de impacto. Assim, quando há acidentes, informações importantes são fornecidas a um mecanismo de interação social conectado aos celulares dos ciclistas. Ao ser combinado com um aplicativo para smartphones, o ICEdot identifica a localização exata do usuário e realiza ligações para contatos da agenda, que podem agilizar o atendimento da vítima.

O sistema depende de conexões Bluetooth, que demandam gastos mínimos de energia para a bateria do celular. O único problema é o sensor se desprender do capacete nas colisões mais violentas – aí, mesmo se não for danificado, o ICEdot não conseguirá fornecer as informações com precisão. De acordo com os criadores, o dispositivo pode aumentar a segurança de motociclistas e dos participantes de diversos esportes, como skate, esqui e snowboard.

A primeira versão do item de segurança já é vendida na página do ICEdot, e o aplicativo está disponível para iOS e alguns gadgets Android. Para levar o pequeno equipamento para casa, o ciclista precisará desembolsar 149 dólares, algo em torno de 350 reais.

Fonte: Redação - Ciclo Vivo

0 comentários:

Postar um comentário