Subscribe:

Parceiros

.


domingo, 12 de maio de 2013

Giro d’Itália 2013 – Etapa 9: Uma belíssima vitória em fuga e Wiggins continua sofrendo nas descidas

Hoje o vencedor da etapa foi Maxim Belkov (Katusha) que fez uma fuga solitária que durou mais de 70km e conquistou uma belíssima vitória. Wiggins continua sofrendo nas descidas e Hesjedal perdeu mais de 1 minutos na subida.

O vencedor do dia

O ciclista que venceu a primeira etapa de média montanha do Giro começou a desenhar a sua vitória logo no início da prova. Ele saiu em uma fuga junto com um grande grupo incluindo: Stefano Pirazzi (Bardiani Valvole), Giovanni Visconti (Movistar), Juan Manuel Garate (Blanco), Fabio Felline (Androni Giacattoli), Robinson Chalapud and Jarlinson Pantano (Colombia), Ricardo Mestre (Euskaltel-Euskadi), Michel Golas (Omega Pharma-QuickStep), Tobias Ludvigsson (Argos-Shimano), Alessandro Proni (Vini Fantini-Selle Italia) e Evgeni Petrov (Saxo-Tinkoff).


 No pé da subida de categoria 1, chamada Vallombrosam há aproximadamente 70km do final, Belkov atacou a fuga e seguiu sozinho. Ele conseguiu manter uma vantagem de quase 2 minutos sobre seus ex-companheiros de fuga e conseguiu ir até o final da prova e vencer a corrida do jeito que é o sonho de todo ciclista: escapado com mais de 1 minuto de vantagem sobre o resto.

Wiggins continua barbeirando nas descidas

A dificuldade de Wiggins nas descidas está ficando cada vez mais evidente e de certa forma até constrangedora para ele e sua equipe. Ele simplesmente não consegue acompanhar o pelotão nas descidas.
Hoje a chuva e o frio castigaram o pelotão mais uma vez e as curvas estavam escorregadias. Na descida da subida Vetta Le Crocci ele perdeu mais de 1 minutos de sobre o pelotão na descida de 9km de extensão.


Seus companheiros de equipe conseguiram coloca-lo novamente no grupo dos líderes, mas quando as grandes montanhas chegarem, isso vai ficar cada vez mais difícil… A descida de hoje não era tão técnica e mesmo assim ele bateu lata… Então sinceramente acho muito difícil dele conseguir vencer esse Giro. Não por falta de preparo, mas de habilidade nas descidas.

Hesjedal bateu lata

Hoje um dos favoritos para a vitória do Giro de um grande paço para trás na luta pela Rosa. Hesjedal sobrou na penúltima subida do dia e cruzou a linha de chegada 2m09s depois de Belkov e mais de 1 minutos atrás dos líderes na Classificação Geral.


Ele agora caiu para a 11ª posição na classificação geral e está com 3m11s de desvantagem sobre Nibali.

Vídeo


Resultados

1Maxim Belkov (Rus) Katusha4:31:31
2Carlos Alberto Betancur Gomez (Col) Ag2R La Mondiale0:00:44
3Jarlinson Pantano (Col) Colombia0:00:46
4Tobias Ludvigsson (Swe) Team Argos-Shimano0:00:54
5Cadel Evans (Aus) BMC Racing Team0:01:03
6Benat Intxausti Elorriaga (Spa) Movistar Team
7Danilo Di Luca (Ita) Vini Fantini-Selle Italia
8Mauro Santambrogio (Ita) Vini Fantini-Selle Italia
9Damiano Caruso (Ita) Cannondale Pro Cycling
10Vincenzo Nibali (Ita) Astana Pro Team

Geral

1Vincenzo Nibali (Ita) Astana Pro Team34:19:31
2Cadel Evans (Aus) BMC Racing Team0:00:29
3Robert Gesink (Ned) Blanco Pro Cycling Team0:01:15
4Bradley Wiggins (GBr) Sky Procycling0:01:16
5Michele Scarponi (Ita) Lampre-Merida0:01:24
6Sergio Luis Henao Montoya (Col) Sky Procycling0:02:11
7Mauro Santambrogio (Ita) Vini Fantini-Selle Italia0:02:43
8Przemyslaw Niemiec (Pol) Lampre-Merida0:02:44
9Rigoberto Uran Uran (Col) Sky Procycling0:02:49
10Tanel Kangert (Est) Astana Pro Team0:03:02
11Ryder Hesjedal (Can) Garmin-Sharp0:03:11

0 comentários:

Postar um comentário