Subscribe:

Parceiros

.


quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Brasil Ride: Sprint define a 5ª etapa da ultramaratona

O pelotão de líderes na 5ª etapa da Brasil Ride
A dupla formada pelo holandês Hans Becking e o tcheco Jiri Novak, da equipe Superior-Brentjens MTB, venceu nesta quinta-feira (23 de outubro) a 5ª etapa da ultramaratona Brasil Ride, na região da Chapada Diamantina, na Bahia.

A chegada foi disputada com a dupla formada pelo catarinense Ricardo Pscheidt e o espanhol Sergio Mantecon, da Trek. Os vencedores marcaram o tempo de 4h14min37s e a dupla da Trek cruzou 2 segundos depois, em 4h14min39s. O português Tiago Ferreira e o grego Periklis Ilias chegaram em 3º, com o tempo de 4h20min25s, suficiente para seguir no topo da geral.

“Nós atacamos desde o começo. Conseguimos abrir uma vantagem, mas tive um pneu furado. No singletrack nós atacamos novamente juntamente com os atletas da Trek. Nós queríamos ganhar hoje. Eles também queriam ganhar. Fizemos um grande duelo. Hoje foi bom e a tendência é melhorar a cada dia”, disse Becking.

No percurso, com a Serra das Almas como cenário da Brasil Ride
Na 5ª etapa, os bikers pedalaram cerca de 95 quilômetros com mais de 1.880 metros de altimetria acumulada, com destaque para trecho de mais de 40km de descida na região conhecida como Serra das Almas.

Na competição, o momento mais difícil do dia encarado pelos atletas foi a Serra Verde, último trecho do percurso que liga as cidades de Livramento de Nossa Senhora a Rio de Contas, uma linda subida de asfalto com aproximadamente 10km de distância.

A Serra Verde com cachoeira ao fundo no cenário da etapa
O português Luís Leão Pinto que perdeu o parceiro na etapa anterior, largou sozinho e  colocou seu próprio ritmo, sendo o primeiro a cruzar a linha de chegada com uma margem de tempo impressionante, abrindo mais de 10 minutos das primeiras duplas. A briga ficou para a última subida, com a dupla da Trek em duelo com Hans Becking e Jiri Novak. Mais atrás estavam os líderes Tiago Ferreira e Periklis Ilias, seguidos pelos brasileiros Henrique Avancini e Sherman Trezza.

“A gente sempre tenta um pouco de divertimento quando está numa corrida. Senão fica impossível de continuar porque o cansaço é grande. Tentamos encontrar partes da etapa para animar. Mas na etapa tinham muitas zonas que foi preciso empurrar a bicicleta na subida. Na descida, procuramos descer com segurança para evitar problemas. Felizmente conseguimos manter a camisa de líder. Vamos continuar na luta”, comentou Tiago Ferreira.

Já a dupla da Trek com o brasileiro Ricardo Pscheidt fez uma grande corrida, após uma etapa complicada no quarto dia. “Na verdade já tivemos dois dias complicados, na segunda etapa quando tive um tombo forte que nos tirou da briga na classificação geral. Ontem perdemos algum tempo ao errar o caminho. E hoje me senti muito mal logo no início. As pernas estavam pesadas, mas na parte técnica e nas descidas conseguimos ganhar posições e recuperar muitas colocações. Alcançamos os líderes, viemos revezando num ritmo bom. As pernas melhoraram mas no sprint, perdi a posição faltando 30 metros, mas faz parte. Estou feliz com o resultado”, comentou o catarinense.

Trecho em descida da serra (40km) apelidado de “rolling stones”
Entre as mulheres,  Sonya Looney e Nina Baum (Notubes / Ergon) conquistaram a quinta vitória consecutiva. Mas a cada dia as adversárias também ficam mais fortes. Com destaque para as ciclistas da seleção brasileira, Isabella Lacerda e Érika Gramiscelli (CBC/Caixa) que conquistaram a excelente 2ª colocação, após ultrapassar na última serra o time da Specialized, formado por Rebecca Rusch e Ally Stacher.

Na dupla mista, a vitória ficou com os italianos Annabella Stropparo/Piero Pellegrini, seguidos pela equipe Niner/Shimano Ivonne Kraft e Mateus Ferraz, que manteve a camisa verde de líder da categoria, rumo ao quinto título para Ivonne e o quarto para Mateus. Na categoria Máster, Bart Brentjens e Abraão Azevedo mantém a liderança, assim como Heleno Caetano Borges e Paulo Felipe Vasconcelos na Grand Máster.

Pódio da 5ª etapa da Brasil Ride 2014
Nesta sexta-feira (24) será realizada outra etapa longa, com 143,5km de percurso e 3.252m de elevação acumulada, com largada em Rio de Contas, a partir das 6 horas da manhã, e chegada na cidade de Mucugê.

Fonte: Bike Magazine
Fotos: Fabio Piva

0 comentários:

Postar um comentário